Liberdade financeira:

Mito ou realidade?

É cada vez mais comum ouvir falar de liberdade financeira, independência financeira ou segurança financeira. Embora existam diferenças, a ideia básica por detrás destes conceitos é a seguinte: ter rendimentos suficientes para viver sem trabalhar. Em suma, viver com um rendimento.

Embora o dinheiro não seja tudo, é uma variável importante. É por isso que é uma fonte de preocupação para a pessoa média. Alcançar a liberdade financeira significa alcançar um estado em que o dinheiro já não seja uma fonte de stress. Imagine os benefícios:

  • O trabalho não deve ser obrigatório, mas voluntário.
  • Concentrarmo-nos no que realmente nos interessa.
  • Tenho muito mais tempo livre.
  • Esqueça de fazer face às despesas.

É possível a liberdade financeira?

A primeira coisa que me vem à cabeça é ganhar a lotaria. Infelizmente, confiar completamente na sorte não é um método válido para alcançar a liberdade financeira. É possível ganhar dinheiro sem trabalhar, mas onde podemos encontrar o rendimento passivo que nos dá paz de espírito?

A resposta é investimento. Hoje, graças à tecnologia, as opções são muitas e, em geral, é fácil dar os primeiros passos. Não se iluda: viver com os seus próprios rendimentos é muito difícil, mas melhorar a sua situação financeira é um objectivo realizável.

Não há atalhos

Como investir com sucesso razoável? Mesmo Warren Buffett não é infalível, mas existem algumas dicas para evitar cometer demasiados erros.

Economize para investir

Se não tivermos uma boa capacidade de poupar, dificilmente teremos a capacidade de investir.

Diversifique sua carteira

É sempre uma boa ideia dividir os ovos em vários cestos frouxamente ligados.

Tenha paciência

A construção de uma boa carteira leva tempo e os resultados são geralmente positivos a longo prazo.

Certifique-se de que entende

Se não souber como funciona, não invista: ficará exposto a riscos que não compreende.

O imobiliário, um bom começo

Há muitas possibilidades, desde mercados de acções a robo-conversores, desde fundos de índice a moedas criptográficas... Em Espanha, os tijolos sempre foram uma opção interessante, mas normalmente muito cara. Até o crowdfunding

Todos sabem o que é um edifício, o que é uma vantagem quando se investe em bens imóveis. O crowdfunding abre a possibilidade a todos não só de investir, mas também de diversificar os seus investimentos, Não é preciso muito dinheiro. Como pode ser feito?

Plataformas tais como Urbanitae - líder em Espanha - permite o investimento no desenvolvimento imobiliário a partir de apenas 500 euros. Reúne muitos aforradores diferentes para que juntos possam fornecer o capital necessário para financiar um projecto imobiliário atractivo. Os projectos são cuidadosamente seleccionados de acordo com critérios de segurança e transparência.

Os investidores tornam-se assim parceiros do promotor e participam nos rendimentos típicos da indústria de 15-20% por ano. A duração média de um projecto é de cerca de 20-24 meses. Toda a informação sobre os projectos e o seu progresso está sempre disponível no website. Cada investidor recebe uma atenção pessoal.

Como é investir com a Urbanitae

A Urbanitae já financiou mais de 110 milhões de euros em circa 80 projectos imobiliários. É a plataforma de crowdfunding com a maior rotação em Espanha e em 2022 financiou mais de seis em cada dez projectos de financiamento imobiliário em Espanha.

Apesar do contexto económico, os resultados são muito positivos. Dos 18 projectos que regressou, o retorno médio anual é de 18%: nada mau para se aproximar da liberdade financeira. Cerca de 3.000 investidores receberam mais de 12,5 milhões de euros.

A inscrição na Urbanitae é 100% online e totalmente gratuita. Se quiser saber mais, visite o website de Urbanitae, visite os seus escritórios em Madrid ou telefone-lhes para +34 911 23 25 22. Estarão sempre prontos para o ajudar.

REGISTAR GRATUITAMENTE